caravana de solidariedade aos kaiowa guarani

diante da situação vivida por nós, povo kaiowá guarani, no mato grosso do sul, onde vários de nossos parentes estão sendo assassinados, decidimos fazer um chamado à solidariedade das pessoas da cidade para que nos apóiem na defesa das nossas terras retomadas.

a nossa luta é por justiça verdadeira. isso significa que não negociaremos sobre nossos direitos. nos tiraram da terra àqual pertencemos e nos obrigaram a viver confinados em reservas. há alguns anos decidimos iniciar as retomadas e dar um basta ao confinamento, à morte por miséria, por humilhação e tristeza.

aqueles que governam o brasil historicamente têm negligenciado e negado o nosso direito às terras ancestrais. não homologam as terras já demarcadas e nunca punem os fazendeiros assassinos. por isso, o nosso caminho é o da luta. há muito que deixamos o medo de lado. o nosso desespero significa um basta ao engano e à espera. não confiamos mais em promessas. estamos retomando/retornando para nossos territórios ancestrais que foram usurpados por governos e fazendeiros invasores, e não vamos desistir, mesmo que nos matem. este é o preço que estamos tendo que pagar, o de ver morrer muitos de nossos parentes assassinados por fazendeiros e suas milícias armadas.

em junho passado, na retomada da “fazenda ivú” (agora, terra retomada kunumi verá), no município de caarapó, clodiode aquino da silva foi assassinado. há menos de um ano, em 29 de agosto de 2015, assassinaram também o kaiowá simião vilhalva no município de antonio joão, na retomada do nosso território ñande ru marangatu. os criminosos foram identificados por nós, mas a falsa justiça do brasil, o ministério público, as polícias, cúmplices dos fazendeiros, não prenderam os assassinos.

não vamos pedir licença para retornar à terra a qual pertencemos. o sangue é dor, é lágrima, mas também é semente. para nós, o que faz a lei é a luta, e não morreremos esperando por laudos ou homologaçaões para viver na nossa terra. nossos antropólogos são os nossos avós.
diante disso, reunimos o nosso conselho, do território retomado kunumi poty verá para fazer um chamado à solidariedade das amigas e amigos kaiowás da cidade.

através desta carta, queremos convidá‐las e convidá‐los para que participem da caravana de solidariedade aos nossos territórios retomados, no município de caarapó, mato grosso do sul. com a participação de vocês queremos realizar esse encontro nos dias 20 (sábado) e 21 (domingo) de agosto. queremos encontrá‐l@s para conversar sobre a luta de todos nós por um país com justiça verdadeira. serão dois dias de comunhão e muitas fogueiras para aquecermos a nossa rebeldia.

sabemos que uma viagem exige despesas, mas acreditamos que poderemos construir apoios de modo a que algumas e alguns de vocês possam vir. pensamos nessa caravana como uma iniciativa que representará a transformação da solidariedade de vocês em presença concreta na nossa terra.

aqui só poderemos oferecer o calor de nossa determinação para viver em uma terra sem males. portanto, aos que virão, devem se organizar de maneira a trazer sua comida (1kg de feijão, de arroz, de café, de óleo, de açúcar e sal), sua barraca, sua lanterna, seu colchonete, seu cobertor e os itens de higiene pessoal. não temos estruturas típicas da vida na cidade, nem mesmo à das aldeias. trata‐se de um acampamento onde por ora estamos vivendo em barracas de lona, e em casa de sapé. o chuveiro é o córrego.

serão dois dias de permanência. devem chegar no final da tarde de sexta, 19 de agosto, de modo que na manhã de sábado, dia 20, já estejamos todos reunidos na terra retomada.

dourados e caarapó serão dois pontos de chegada iniciais. estaremos aguardando em local a ser informado brevemente. a partir desses locais seguiremos juntos para as áreas retomadas, próximas à aldeia te’y kue. aqui conversaremos, pensaremos formas de colaboração, visitaremos algumas retomadas, e bailaremos.

agradecemos e abraçamos vocês desde os territórios retomados.

conselho da retomada do território te’yi jusu
2 de agosto de 2016
para mais informações: e-mail: caravanakaiowa@gmail.com
whatsapp: (45) 8135 4349 / (11) 99462 6967


compartilhe!

  • Facebook
  • Twitter
  • Google Plus
  • RSS
  • PDF
  • Email