Porque há poemas e há letras de canções que merecem uma leitura mais atenta. Porque neste mundo ainda há leitores para a poesia…

Porque hay poemas y hay letras de canciones que merecen una lectura más atenta. Porque en este mundo todavía quedan lectores para la poesía…

rodolfo dada

poemas de rodolfo dada

poeta e escritor, rodolfo dada nasceu na costa rica. cardumen (2003), sobremesa (1984) e cuajiniquil (1975) fazem parte do conjunto de obras do autor. seus trabalhos trazem entre outros temas a paisagem marinha, da selva e infância.   Cuento de una sirena Hace muchos, muchos años me hice amigo de una sirena. tenía el pelo […]

0 comments
zefere-site

poema de zéfere

nascido em ituiutaba, brasil,  josé roberto de andrade  féres, mais conhecido como zéfere, é poeta. aos 28 anos publicou  o livro a coesia das coisas (7letras, 2006). confira aqui o poema “trem de mente de corpo de trem” apresentado por zéfere durante a mostra latitudes poéticas, do I festival latitudes latinas.        

0 comments
marcia ortiz solano

poema de marcia ortiz solano

integrante do directorio del frente de defensoras de la pachamama,  a cuencana, marcia ortiz solano resiste aos projetos mineiros que impactam sua cidade.   reciprocidad Madre Tierra con todos mis sentidos te venero y Te doy gracias por tanta belleza. Eres nuestra casa donde vivimos y donde hemos de morir. Tu flora y fauna, qué […]

0 comments
maribel mora

poemas de maribel mora curriao

maribel mora curriao nasceu em panguipulli, no chile. poeta e investigadora mapuche, ela investiga sobre povos indígenas e suas expressões literárias, possui livros e artigos nos quais escreve sobre a poesia mapuche e indígena. maribel é coautora do livro el pozo negro y otros relatos mapuches (2001) e possui poemas publicados na revista  pewma, literatura […]

0 comments
paz díez taboada

poemas de paz díez taboada

licenciada em filologia românica, paz díez taboada é professora de língua e literatura espanhola no ensino secundário e universitário. paz nasceu em vigo, espanha, e já  publicou alguns livros de poemas, entre eles: el fuego oscuro (1991 e 1993), el curso de la sombra (1994 e 1997), rumor de vida (1996) e caída libre (2003). […]

0 comments
carlos pronzato

poemas de carlos pronzato

nascido em buenos aires, argentina, carlos pronzato é escritor, teatrólogo, cineasta e ativista. morando no brasil ele se formou em direção teatral na ufba- universidade federal da bahia. por seu documentário madres de plaza de mayo, memoria, verdad, justicia, ganhou alguns prêmios, entre eles: o prêmio especial do júri na xxvi jornada internacional de cinema […]

0 comments
gioconda-belli

poemas de gioconda belli

nascida na nicarágua, gioconda belli é poeta e escritora. já recebeu muitos prêmios por suas obras, como o prêmio de poesia da universidade nacional da nicarágua, que conquistou com seu primeiro livro Sobre la Grama (1972). já  o prêmio Casa de las Américas (Cuba) foi conquistado com o livro Línea de Fuego.   La madre La […]

0 comments
marcia-site-page-001

poemas de márcia wayna kambeba

márcia wayna kambeba é geógrafa por formação, poeta, cantora e compositora. além disso, atua como fotografa e realiza palestras sobre a temática indígena.  de etnia omágua/kambeba, localizada no território do amazonas, brasil, márcia realiza pesquisas sobre identidade e território. seus poemas também  abordam a temática indígena. selecionamos alguns poemas do seu livro  Ay Kakyri Tama, lançado […]

0 comments
0001

poema de francisca zhagüi chuchuca

nascida na comunidade de san pedro de escaleras de la parroquia victoria del portete, azuay, equador, maría francisca zhagüi chuchuca é defensora de direitos humanos e presidenta da frente de mulheres defensoras da pachamama.   Oda a la Madre Tierra Pachamama eres nuestra Madre, la primera madre en este mundo que el Todopoderoso creó. Eres […]

0 comments

poemas de diferentes autores e temáticas

em 21 de março celebra-se o dia internacional da poesia.  a palavra poesia tem origem no grego e quer dizer ação de fazer algo. nesta semana o latitudes poéticas apresenta uma seleção de poemas de diferentes temáticas e autores para mostrar que através deles é possível tratar dos mais variados assuntos.   luz ribeiro é […]

0 comments
mario benedetti

poemas de mario benedetti

nascido em 1920, mario benedetti foi um escritor e poeta uruguaio. dono de vasta obra, dentre elas La Tregua, mario pertence à geração de 45 também chamada de geração crítica da qual fazem parte angel rama, idea vilariño, juan carlos onetti e etc. Corazón coraza, Defensa de la alegría, El Sur también existe são alguns […]

0 comments
gioconda-belli

poemas de gioconda belli

nascida da nicaragua, gioconda belli é poeta, escritora e ativista de temas políticos.  desde muito jovem, gioconda belli esteve envolvida na revolução da nicarágua e  ocupou cargos importantes no partido sandinista.  escreveu seis romances, um livro de memórias, seis livros de poesias. em suas narrativas, os temas relacionados às mulheres tem grande destaque. confira alguns […]

0 comments
erick de jesús ocelotl

si te dicen india, poema de erick de jesús ‘ocelotl’

erick de jesús ocelotl é cantor e  compositor  nascido em chilpancingo,  guerrero, no méxico. sua produção musical  é influenciada pelos gêneros tradicionais  de guerrero como boleros, son de tarima, colombiana,  corridos, entre outros. suas composições narram as histórias de vida do povo de guerrero, pois acredita que as influências das culturas nahuas, mixtecas, tlapanecas e amusgas são profundas […]

0 comments
Alejandra

poemas de alejandra lerma

nascida na cidade de cali, colômbia, em 1991, alejandra lerma é poeta, comunicadora social e jornalista. o interesse por escrever levou alenjadra a participar do coletivo de poesia el trébol de cuatro hojas. seus poemas foram publicados numa antologia individual intitulada  el lenguaje de mi alma (2008). participou  de publicações coletivas, como na antologia poética […]

0 comments
llpoeticas

poemas de  jeanette l. clariond

jeanette l. clariond nasceu na cidade de chihuahua, no méxico. além de ser poeta e tradutora, tem dedicado grande parte da sua vida ao estudo do pensamento e religião no méxico antigo, focalizando seu interesse no mito como forma de estruturação do ser. jeanette l. clariond publicou os seguintes livros: mujer dando la espalda, 1992; […]

0 comments
foto-1-carlos-aguasaco

poemas de carlos aguasaco

nascido em bogotá, colombia no ano de 1975, carlos aguasaco é doutor em línguas hispanas e literatura (StonyBrookUniversity) e atua como poeta e professor de estudos culturais latino- americanos em The City University of New York, onde vive desde 1999. aguasaco faz parte do grupo de poetas que representam a nova poesía hispana nos estados […]

0 comments
basilele

Poemas de Bas’Ilele Malomalo

Bas’Ilele Malomalo é natural do Congo. Possui graduação em Filosofia pelo Grand Seminaire Fraçois Xavier – Filosoficum e em teologia pelo Instituto São Paulo de Estudos Superiores – Itesp. Escreveu seus poemas no cadernos negros 27 e estará presente no sarau do  aniversário do latitudes latinas. outras informações sobre a programação clique aqui.   Minha macumba […]

0 comments
ivan

Poemas de Ivan Maia

Ivan Maia é doutor em educação, mestre em filosofia, poeta, ator.  Ele é o criador  do projeto de experimentação criativa Corpoema. Ivan Maia conduzirá o sarau do  latitudes no aniversário do projeto Latitudes Latinas,  que acontecerá na Coaty, ladeira da Misericórdia, localizada atrás da Prefeitura de Salvador,  a partir das 19h00. outras informações, clique aqui. […]

0 comments
cassio

cássio jônatas

cássio jônatas alves evangelista, nasceu em 31 de março de 1990, em salvador-ba. é formado em ciências contábeis pela faculdade ruy barbosa. atualmente, cursa bacharelado em artes na universidade federal da bahia. começou a adentrar no mundo da poesia em julho de 2012, a partir de insights cotidianos e do legado transmitido pelo pai, danilo […]

0 comments

poemas de jade bittencourt

Jade Bittencourt tem 22 anos e é estudante de Letras- Espanhol da Universidade Federal da Bahia. Participa do Coletivo Pixote fazendo oficinas e performances “poeliticas” em Salvador, pois acredita que arte e militância andam juntas. Sua poesia conta histórias captadas nos lugares por onde passa, com foco especial na afetividade como parte indispensável nas lutas. […]

0 comments
fidel-castro-site

fidel, por eduardo galeano

Do livro “Espelhos, uma história quase universal” Por Eduardo Galeano Tradução: Eric Nepomuceno Seus inimigos dizem que foi rei sem coroa e que confundia a unidade com a unanimidade. E nisso seus inimigos têm razão. Seus inimigos dizem que, se Napoleão tivesse tido um jornal como o Granma, nenhum francês ficaria sabendo do desastre de […]

0 comments
rene-depestre-e-outros-poetas

poemas de rené depestre e outros autores haitianos

rené depestre escritor, poeta, ensaísta haitiano, rené depestre (1926) foi também ativista do movimento negro. viveu exilado em cuba durante a ditadura duvalier. foi o fundador da “Casa de las Americas publishing house” instituição que promove o intercâmbio artistico e cultural de cuba. recebeu o prêmio da société des gens de lettres (ldms), da frança, […]

0 comments
poemas-rene-depestre-site

poemas de rené depestre

escritor, poeta, ensaísta haitiano, rené depestre (1926) lutou contra a ditadura e foi um ativo militante da negritude. escreveu seus primeiros livros de poemas centelleos (1945) e haz de sangre (1946) com apenas dezenove anos. perseguido pelo exército, foi condenado ao exílio na frança, onde continuou sua trajetória poética com os livros vegetación de claridades […]

0 comments
vilma-tapia-anaya

poemas de vilma tapia

vilma tapia nasceu em la paz, bolívia, em 1960. ela é a autora dos seguintes livros de poesia: del deseo y de la rosa (1992) oh estaciones, oh castillos ( 1999) luciérnagas del fondo (2003) corazones de terca escama (1995, 2004) la fiesta de mi boda (2006) el agua más cercana (2008) y fábulas íntimas […]

0 comments
0001-5

poemas de piedad bonnett

piedad bonnett é uma poeta, novelista, dramaturga e professora colombiana, nascida em amalfi, antioquia, em 1951. graduada em filosofia e letras por la universidad de los andes, mesma universidade que leciona desde 1981, e possui mestrado em teoría del arte, la arquitectura y el diseño na universidad nacional de colombia. é ativista pela paz na […]

0 comments
0001 (3)

blanca wiethüchter

a poeta, narradora e ensaísta boliviana blanca wiethüchter, nasceu na cidade de la paz, em 1947. cursou letras na universidad mayor de san andrés, em la paz e mestrado em literatura latino-americana em paris. alguns dos seus principais livros de poemas são: asistir al tiempo, travesía, noviembre 79, madera viva y árbol difunto, territorial, el […]

0 comments
0001 (1)

geni guimarães

geni guimarães nasceu na área rural do município de são manoel, são paulo, em 08 de setembro de 1947. professora, poeta e ficcionista, em 1979, ela lançou seu primeiro livro de poemas intitulado terceiro filho (1979). em sua literatura, encontramos tons de protesto e afirmação identitária, voltados principalmente para questões de raça e de gênero. […]

0 comments
alzira rufino site

poesias de alzira rufino

alzira rufino nasceu em santos na cidade de são paulo, brasil, em 06 de julho de 1949. de família negra e pobre, alzira é ialorixá, poeta e presidente da casa de cultura da mulher negra a ativista é fellow da ashoka, tendo coordenado a rede feminista latino-americana e do caribe contra a violência doméstica, sexual […]

0 comments
Gabriela-Minestrel-site

poesias de gabriela mistral

gabriela mistral nasceu em vicuña, chile com o nome de lucila de “maría del perpetuo socorro godoy alcayata”, seguiu carreira como professora e poeta, onde se destacou em sua cidade natal e no exterior. la tierra niño indio, si estás cansado, tú te acuestas sobre la tierra, y lo mismo si estás alegre, hijo mío, […]

0 comments
0001

poesias de rosario castellanos

a escritora rosario castellanos nasceu em comitán, mexico, em 1925 e morreu em 1975. ela escreveu um grande número de poesias, contos, novelas e ensaios durante a vida. é reconhecida como símbolo do feminismo latino-americano por ter defendido o direito das mulheres e por sua luta pelos direitos dos povos indígenas. hoje é considerada, em […]

0 comments
José-María-Torres-Caicedo-site

poemas de josé maría torres caicedo

josé maría torres caicedo foi um escritor colombiano autor de “les príncipes 1789 en amérique”, famoso pelos ensaios biográdicos de critica literaria sobre os prinicipais pubicitarios, historiadores, poetas e escritores da américa latina e também por seus artigos político, econômicos, filosóficos , literários e uma série de poemas com temas religião, patria e amor. las […]

0 comments
josefina-jordán-morales-site

poesias de josefina jordán morales

nascida em bogotá, colombia maría piedad josefina jordán morales é psicóloga, investigadora e poeta sua produção literária se destaca pela forte sensibilidade social, além disso trabalha para o atendimento das populações mais vulneráveis da sociedade colombiana. …la historia la hacen los pueblos… …gaviota – paz… …amante de la paz… …poemas – para la paz… …para […]

0 comments
Amador Neto2

poesias de amador ribeiro neto

natural da cidade de caconde, estado de são paulo, o poeta, critico literário e professor da ufpb amador ribeiro neto tem pesquisa na área de teorias literárias da atualidade e semiótica com foco em poesia e música popular. sua poesias  estão incluídas  na antologia “na virada do século”, 2002, organizada por claudio daniel e frederico barbosa  sobre […]

0 comments
adriana-paredes-site

poemas de adriana paredes

adriana paredes nasceu em osorno, chile, em 1970. pertencente a nação mapuche-huilliche, ela é poeta, professora phd em ciências humanas pela facultad de filosofía y humanidades de la universidad austral, chile. publicou os seguintes livros: üi (2005), antologada en 20 poetas mapuche contemporáneos (2003), hilando en la memoria (2006 e 2009) e kallfv mapu (2008). […]

0 comments
Liniers-site

poemas diversos

  los amantes julio cortázar ¿quién los ve andar por la ciudad si todos están ciegos ? ellos se toman de la mano: algo habla entre sus dedos, lenguas dulces lamen la húmeda palma, corren por las falanges, y arriba está la noche llena de ojos. son los amantes, su isla flota a la deriva […]

0 comments
maria-cecilia-poéticas-site

poemas de maria cecilia muñoz

maria cecilia muñoz nasceu em bello, antioquia, colômbia, em 1959. poeta, comunicadora e jornalista da universidade de antioquia,  ela foi co-fundadora e ex-diretora da casa de poesía porfirio barba jacob, em medellín, além de co-fundadora das revistas colombianas de poesía maya, gerifalte e poética. publicou os seguintes livros: entregas, 2005; el universo un instante, haikus […]

0 comments
gcina-poeticas-site

poemas de gcina mhlophe

gcina mhlophe nasceu na africa do sul em 1959 e cresceu em durban.   poeta, dramaturga, diretora de teatro, atriz, compositora, jornalista, contista e escritora de livros infantis,  gcina mhlophe tem trabalhado o canto e tradição oral para manter viva a história da sua nação.    aprendeu a contar histórias com sua avó   nas línguas afrikaans, zulú […]

0 comments
gabriela robledo-site

poemas de gabriela robledo

nascida em 1974 , na cidade de córdoba, argentina,   gabriela robledo é poeta, ensaísta e advogada, com atuação no reconhecimento jurídico e social das mulheres e das identidades trans.  publicou o livro agosto en mapas ( 2006) , da editora ingenio papelero  e estación ( 1998), da editora argos . otro sí digo demandan expropiar […]

0 comments
helena ferreira-site

poema de helena ferreira

nascida em belo horizonte, minas gerais, helena ferreira é escritora, feminista e palestrante. em 2016, ela publicou o primeiro livro intitulado  um poema para helena, em que reúne poesias escritas ao longo de três anos. ficou conhecida nas redes sociais depois do sucesso do poema “sou puta”, que retrata o machismo que atinge as mulheres. […]

0 comments
perfil do blog-salete

não à cultura do estupro, um cordel de salete maria

cordelista feminista, professora do bacharelado interdisciplinar em gênero e diversidade, da universidade federal da bahia, salete maria escreveu o cordel “não à cultura do estupro” em reação ao estrupo coletivo de  uma jovem de 16 anos na cidade do rio de janeiro.  no cordel, salete maria aponta para a terrível realidade vivida pelas mulheres brasileiras e questiona qual […]

0 comments
rodrigo-ciriaco-site

canto periférico, poema de rodrigo ciríaco

rodrigo ciríaco é escritor, educador, ativista cultural. ele publicou os livros te pego lá fora (2008), 100 mágoas (2011) e vendo pó…esia (2014). rodrigo ciríaco é coordenados do coletivo cultural os mesquiteiros,  que  organiza oficinas de prosa e poesia, encontros literários, publicação de livros, concursos literários, bolsa de estudos para jovens e adolescentes, na zona leste, […]

0 comments
graça-site

poemas de graça graúna

nascida em são josé do campestre, um município brasileiro do estado do rio grande do norte localizado na microrregião da borborema potiguar, descendente de potiguaras, se formou em letras pela universidade federal de pernambuco, onde fez o mestrado sobre mitos indígenas na literatura infantil e o doutorado sobre literatura indígena contemporânea no brasil. algumas de […]

0 comments
berta-cacéres-presente

un mes sin berta. un mes con berta

un mes sin berta. un mes con berta. nos levantamos en distintos rincones del planeta, y decimos: “todas somos berta”. en distintos idiomas repetimos: “¡berta vive! ¡la lucha sigue!”. y mientras tanto… la suprema injusticia sigue tejiendo telarañas para ocultar la verdad del crimen de la hermana del copinh, la hija del pueblo lenca, la […]

0 comments
eliane-site

oração pela libertação dos povos indígenas de eliane potiguara

professora e escritora indígena brasileira de origem potiguara, eliane lima dos santos potiguara nasceu em 1950 no rio de janeiro. formada em letras se licenciou em educação pela ufrj. foi uma das 52 brasileiras indicadas para o projeto internacional mil mulheres para o prêmio nobel da paz e foi nomeada uma das “dez mulheres do ano […]

0 comments
lílian-site

lílian almeida

licenciada em letras vernáculas pela universidade estadual de feira de santana, lílian almeida fez mestrado em diversidade e literatura cultural pela universidade estadual de feira de santana (2006) e doutorado em teoria da literatura pela pontifícia universidade católica do rio grande do sul (2014).  é professora assistente na universidade do estado da bahia. leia os textos  de […]

0 comments
andrea-site

poemas de andréa mascarenhas

andrea mascarenhas é  doutora  em comunicação e semiótica pela puc-sp, leciona literatura na universidade do estado da bahia (uneb). reside em salvador, bahia,  e edita o blog literário arquivosimpertinentes.blogspot.com.br . seus poemas e outros textos têm sido publicados em coletâneas e revistas literárias (nacionais e internacionais), como a elipse, o canal subversa e o caderno literário (da pragmatha), […]

0 comments
alejandra-site

poemas de alejandra solórzano

nascida na guatemala em 1980, alejandra solórzano é poeta, atriz, gestora, produtora cultural e mestranda em filosofia pela universidad de costa rica. publicou o livro de poesia “de vez en cuando hablo con ella” (2006). tanto na guatemala como na costa rica participou de festivais nacionais e internacionais de poesia.em 2008, recebeu o reconhecimento do […]

0 comments
zefere-site

poemas de zéfere

josé roberto de andrade  féres, mais conhecido como zéfere, é poeta nascido em   ituiutaba, no triângulo mineiro, em 1980.  já publicou  o livro a coesia das coisas (7letras, 2006).  compõe letras de música, transita pela slampoetry, tudo em língua ludo-luso-francesa. é professor, transcriador, tradutor (frança/brasil). todo amor é imoral à moral que confesso, pois, se […]

0 comments
aida-site

poemas de aida toledo

nascida na guatemala, aida toledo é poeta, narradora, ensaísta, crítica literária e jornalista. licenciada em letras na universidade de são carlos, fez mestrado e doutorado em literatura e cultura latino-americana, na universidad de pittsburgh. atualmente trabalha para universidad rafael landívar. no campo da poesia publicou os seguintes livros: brutal batalla de silêncios (1990), realidad más […]

0 comments
jhoana

jhoana patiño

jhoana patiño é uma jovem escritora colombiana. nascida em manizales, ela começou na literatura com livro  chamado ébano. lançado em 2010, o livro se constitui como um espaço de denúncia pública das amarras sociais que imobilizam as mulheres. vientre de resistencia yo no soy un vientre, soy un ser, yo no soy un hijo, soy […]

0 comments
conceicao

conceição evaristo

nascida em minas gerais, belo horizonte, conceição evaristo é poeta e prosadora brasileira. na década de 70 migrou para o rio de janeiro e graduou-se em letras. é mestre em literatura brasileira e doutora em literatura comparada. ela publicou os seguintes livros: becos da memória, poemas da  recordação e outros movimentos, ponciá vivencio, insubmissas lágrimas de […]

0 comments
francesca randazzo

poemas do livro “roce de tierra”, de francesca randazzo

Francesca Randazzo (Tegucigalpa, Honduras, 7 de maio de 1973) publicou os livros Barcos en el Aire (Tegucigalpa: Litografía López, 2008), Honduras, patria de la espera (Tegucigalpa: IHAH, 2006), Compás de Luz (Guatemala: Letra Negra, 2003), A mar abierto (Tegucigalpa: Pez Dulce, 2000) e Roce de Tierra (Tegucigalpa: Alin Editora, 1997), assim como poemas e artigos […]

0 comments
João-Makray-site

crônicas de eduardo galeano sobre a deusa do mar

ventana sobre la diosa de la mar iemanyá vive en las honduras del agua. allí recibe las ofrendas. en el día de su fiesta, los pescadores de bahía navegan cantando alabanzas a la diosa coqueta y glotona, y desde las barcas le prodigan halagos de perfumería y de confitería. cuando le gustan los regalos, ella […]

0 comments
mujerpintura

poemas de leda garcía pérez

nasceu em san josé de costa rica, é escritora, advogada, comunicadora, atriz, produtora e diretora de radio e televisão. algumas das suas obras são: conmigo al desnudo, voces de olvido, poemas inevitables, cantos de piedra y pétalo, memoria infiel, poemas sonámbulos, elogio de la costumbre, poemas infieles, poemas locos que andan sueltos. señora de los […]

0 comments
emma-barrandéguy-ID

poemas de emma barrandéguy

El cuerpo ¿Por qué no es posible el amor?, me preguntas. Somos viejos, respondo. Y que pases tu mano por mi pierna, me da cierta vergüenza. Tontería, dice el amigo y cediendo me tiendo a su lado como cuando era joven y lo ignoraba. Pienso en todos los viejos que desde un banco al sol […]

0 comments
zapatistas_FB

ezln: instrucciones para cambiar el mundo

los siguientes textos fueron escritos en mis primeros años em la guerrilla, en concreto en el período de 1984 a 1989. independientemente de su calidad literaria o su estilo, son parte de lo que nosotros llamamos “literatura de montaña”, es decir, escritos que no tienen destinatário definido. es más, no son escritos para ser leídos […]

0 comments
cesarvallejo

poemas de césar vallejo

nasceu em 1892 em santiago de chuco (peru). foi escritor, poeta,jornalista e professor, considerado o maior exponente da poesia no seu pais. algumas das suas obras são: los heraldos negros (1918) e o livro de crônicas rusia en 1931 (madrid, 1931) entre outros. no seguinte link pode ler e baixar o livro poemas humanos, ao […]

0 comments
eduardo-galeano-patas-arriba-ID

patas arriba – la escuela del mundo al revés, de eduardo galeano

¡Vayan pasando, señoras y señores! ¡Vayan pasando! ¡Entren en la escuela del mundo al revés! ¡Que se alce la linterna mágica! ¡Imagen y sonido! ¡La ilusión de la vida! ¡En obsequio del común lo estamos ofreciendo! ¡Para ilustración del público presente y buen ejemplo de las generaciones venideras! ¡Vengan a ver el río que echa […]

0 comments
basta-antologia

contos da antologia ¡Basta!: cien mujeres contra la violencia de género

os contos a seguir fazem parte da Antologia “¡Basta!”, publicada no Chile pela editora Asterión. o livro reúne mais de cem relatos breves ou micro-contos de não mais de 150 palavras, escritos por mulheres, sobre a violência de gênero. essa iniciativa foi reproduzida em outros países, como argentina e peru e deu origem a um segundo livro: “¡Basta! – más […]

0 comments
um defeito de cor

ìyemònjá-òduá, fragmento do livro um defeito de cor, de ana maria gonçalves

Quando o mundo foi criado, Olodumaré, o deus supremo, mandou três divindades à terra: Ogum, o senhor do ferro, Obarixá, o senhor da criação dos homens, e Oduá, a única mulher e a única que não tinha poderes. Por causa disso, Oduá  foi se queixar a Olodumaré e recebeu dele o poder do pássaro contido […]

0 comments
violeta-parra-01

autobiografía en verso, de violeta parra

Cantora chilena, Violeta Parra é considerada uma das artistas mais singulares do século XX. Dedicou sua vida à música, como compositora e pesquisadora do folclore. Filha de Carmen Parra Sandoval, camponesa, e de Nicanor Parra, professor de música, Violeta Del Carmen Parra Sandoval nasceu em 1917, na cidade de San Carlos, província de Ñuble, no […]

0 comments
lilianaancalao

poemas de liliana ancalao

nasceu em 1961 em comodoro rivadaria, provincia de chubut (argentina) e pertence à comunidade mapuche-tehuelche ñankulawen. liliana é professora e pesquisadora da língua mapuzungun. algumas de suas obras são: “tejido con lana cruda” (2001) e “mujeres a la intemperie-pu zomo wekuntu mew” (2009). muitos dos seus poemas formam parte de antologias como: “taller de escritores. […]

0 comments
lobovermelho-artefinaldesigner

canção dos griots (do filme sarraounia)

“Nas civilizações orais, a palavra compromete o homem, a palavra é o homem. Daí o respeito profundo pelas narrativas tradicionais legadas pelo passado, nas quais é permitido o ornamento na forma ou na apresentação poética, mas onde a trama permanece imutável através dos séculos, veiculada por uma memória prodigiosa que é a característica própria dos […]

0 comments
carmen-olle-ID

poemas de carmen ollé

Amor me mueve y me hace responder (Beatriz) Dejarme arrastrar por un flujo de sensaciones: realidad y fantasía combinan malévolamente hoy en mí. Todo nuevo amor refleja una carga eléctrica de un viejo y conocido circuito: felicidad, frustración. La imagen más bella sería tu desnudo obtenido sin ofrecer mi cuerpo desnudo, de la misma manera […]

0 comments
Arnaldo Antunes

poesias de arnaldo antunes

INSTA aquí está lo que insta estar aquí en este esto mismo desde el fin hasta el des tino que se ex tingue en el úl timo istmo entre antes y es te ins tante esta ncado en si gnos   PENSAMIENTO Pensamiento viene de fuera y piensa que viene de dentro, pensamiento que expectora […]

0 comments
diadosmortosmexico

caveiras literárias do dia dos mortos

o dia dos mortos no méxico é uma celebração de origem indígena, que honra os defuntos no dia 2 de novembro. a festa é presidida pela deusa mictecacíhuatl, conhecida como a dama da morte, atualmente relacionada à la catrina, personagem de josé guadalupe posada e esposa de mictlantecuhtli, senhor do reino dos mortos. a festividade […]

0 comments
joaodemoraesfilho

poemas de joão de moraes filho

nascido em 1977 em cachoeira, no recôncavo baiano, em 2004 ganhou o prêmio braskem de literatura na categoria poesia com o volume pedra retorcida. desse livro vamos compartilhar alguns poemas e também um vídeo da participação dele no 1º festival latitudes latinas. pedra retorcida durante algum tempo, hesitei abrir aquela porta. o sentido de toda […]

0 comments
68 no se olvida

2 de octubre no se olvida: poemas por tlatelolco

um dos momentos mais tristes da história do méxico foi o massacre cometido contra estudantes na plaza de las tres culturas de tlatelolco, na cidade do méxico, que ficou conhecido como massacre de tlatelolco. aconteceu em 2 de outubro de 1968 e foi executado pelo governo do méxico, país anfitrião das olimpíadas deste ano. até […]

0 comments
ezlnporayotzinapa

ezln por ayotzinapa: por el dolor, por la rabia, por la verdad, por la justicia

por el dolor, por la rabia, por la verdad, por la justicia. septiembre del 2015 compañeras, compañeroas y compañeros de la sexta de méxico y el mundo: hermanas y hermanos de los pueblos de la tierra: sabe nuestro colectivo corazón, de antes y de ahora, que nuestro dolor no es lamento estéril. sabe que nuestra rabia […]

0 comments
ayotzinapa-poemas

poemas por ayotzinapa

Ayotzinapa Mordemos la sombra Y en la sombra Aparecen los muertos Como luces y frutos Como vasos de sangre Como piedras de abismo Como ramas y frondas De dulces vísceras Los muertos tienen manos Empapadas de angustia Y gestos inclinados En el sudario del viento Los muertos llevan consigo Un dolor insaciable Esto es el […]

0 comments
estudantesayotzinapadesenho

os 43 poetas por ayotzinapa

dedicado aos estudantes desaparecidos em setembro de 2014, o livro os 43 poetas por ayotzinapa foi editado por ana matías rendón, com o objetivo de acompanhar as famílias dos estudantes e manifestar a dor da população pelo acontecido com os jovens. na obra participam poetas do méxico, espanha, argentina, perú e uruguai. leia o livro […]

0 comments
bicicleta-ID

poemas para o dia mundial sem carro

La bicicleta con alas José Bartolomé Pedroni La bicicleta un día va a volar. La bicicleta de todos. Ya lo verán. Le están saliendo las alas. Son de verdad. El niño quiere que vuele, y volará. El niño irá por el aire a comprar el pan; dará una vuelta al campanario de paloma y cal. […]

0 comments
pauloleminski

poemas de paulo leminski

leminski nasceu em 1944 em curitiba (brasil). foi escritor, poeta, crítico literário e professor. algumas de suas obras são: curitiba, etcetera (1976), polonaises (1980), não fosse isso e era menos/ não fosse tanto e era quase (1980), tripas (1980), caprichos e relaxos (1983) e aviso aos náufragos (1997) entre outros. bem no fundo no fundo, no fundo, […]

0 comments
Armandinho

poemas sobre a migração

eclipse papá: dime cómo son los barcos, cómo eres sobre uno de ellos, el mar bajo ustedes dos. me han pedido que escriba en correcto español MI PRIMERA TRAVESÍA. he leído a stevenson, conrad, london: no es suficiente. antes de dormir pienso en nosotros y veo el mar como un tú gigante dentro del que […]

0 comments
Untitled design

poesias do grupo sarau da onça

formado por jovens poetas baianos moradores do bairro de sussuarana, utilizam a poesia para sensibilizar aos vizinhos de diferentes pontos da cidade sobre a realidade social. o grupo nasceu como referência as experiências do sarau bem black e o sarau da cooperifa. conheça mais curtindo na página de facebook do grupo.

0 comments
josefina-baez-ID

video-poemas de josefina baez

Josefina Baez é poeta, performancer, dançarina e atriz. Nascida na La Romana, República Dominicana, ela mora e trabalha em Nova Yorque. Publicou os livros: As Is É, Dominicanish, Comrade, Bliss ain´t playing, Dramaturgia I & II, Como la Una/Como Uma, Levente no. Yolayorkdominicanyork, De Levente. Algo no cuadra. Levente no. Levente no. Yolayorkdominicanyork

0 comments
Héctor-Rodas-Andrade

poemas de héctor rodas andrade

nascido em 8 de outubro de 1963, em quetzaltenango, guatemala, héctor rodas andrade é poeta e professor. em 1992 recebeu uma bolsa do consejo nacional para la cultura y las artes y la sociedad general de escritores para participar do primeiro diplomado para escritores da América Central e do sudeste mexicano.  héctor rodas andrade publicou […]

0 comments
alaide-foppa-ID

poemas de alaíde foppa

alaíde foppa nasceu em barcelona, em 3 de dezembro de 1914, e foi desapareceida em 19 de dezembro de 1980, ao ser sequestrada pelo servicio secreto de guatemala. feminista e fundadora da revista FEM, seus versos possuem uma grande carga anti-patriarcal. Alaíde Foppa, la sin ventura, documentário dirigido por María del Carmen de Lara e […]

0 comments
resistênciapoética

grupo resistência poética

eles se apresentam como: “jovens da periferia de salvador, que escolheram a poesia marginal para se expressar”. realizam intervenções nos ônibus da cidade, levando a reflexão sobre temas como racismo, machismo, discriminação e muitos outros. conheça o trabalho desses jovens no vídeo a seguir, e curta a página do facebook do grupo para mais informação.  

0 comments
victoria santa cruz, artista peruana

me gritaron negra, por victoria santa cruz

nascida em lima, em 1922, victoria eugenia santa cruz gamarra foi uma compositora, coreógrafa e figurinista. a artista é responsável, junto ao seu irmão nicomedes santacruz, com quem fundou o grupo musical cumanana, em 1958, pela  intensa valorização das tradições musicais e culturais negras no peru. assista a uma cena do espetáculo musical “la magia […]

0 comments
gabriel chavez casazola - poeta boliviano

poemas de gabriel chávez casazola (bolívia)

poeta e jornalista boliviano, gabriel chávez casazola é considerado uma das vozes imprescindíveis da poesia boliviana contemporânea. em seu país publicou os livros de poemas Lugar Común (1999), Escalera de Mano (2003), y El agua iluminada (2010). Sua obra La mañana se llenará de jardineros (2013) apareceu primeiro no Equador e em 2014 teve uma […]

0 comments
Carmen González Chacon

poemas de carmen gonzález chacon

Carmen González Chacon é poeta, jornalista e promotora. Nascida em cuba, dirigiu o projeto com mulheres cantoras de rap chamado Alzar la voz, em que ganhou o prêmio Memoria del Centro Pablo de la Torriente. Ela publicou o livro de poema Una muchacha es siempre un privilegio.   La abuela de mi abuela La abuela […]

0 comments
poesiaindigenadibujo

seleção de poesía náhualt, huichola, maya, yanakuna e quéchua

a literatura indígena foi silenciada durante séculos. algumas das obras mais conhecidas são popol vuh e a poesia do rei nezahualcóyotl. aqui compartilhamos uma seleção de poetas indígenas feita pela revista fahrenheit. poesía náhualt xokoyotsin moyolnonotsa asijka tonatij timoyolnojnotsas miak tlamantli kiajokui moyolo; yeka tipatstlami, yeka tiyokuitlamiki, kemantika tiiknochoka, kemantika tiyolpitsauia. llegó el día en […]

0 comments
karina-rabinovitz-ID

poemas de karina rabinovitz

Karina Rabinovitz é poeta. Trabalha em parceria com a artista Silvana Rezende desde 2005, experimentando e realizando interações entre poesia e artes visuais, criando livros-objetos, instalações audiovisuais, objetos poéticos e intervenções urbanas. Tem 5 livros de poemas publicados, mas é que eu não sabia que se pode tudo, meu Deus! (2014), O LIVRO de água […]

0 comments
Chacal

poemas de chacal

Inspirado pelo estilo sintético e bem humorado do poeta Oswald de Andrade, Ricardo de Carvalho Duarte, mais conhecido como Chacal, começou a escrever poesias. Nascido em 24 de maio de 1951, no Rio de Janeiro,  Chacal fez parte dos jovens poetas da geração mimeógrafo, com a poesia marginal, nos anos 70. Ele fundou, ao lado […]

0 comments
livianatalia

poemas de lívia natália

nasceu em salvador (bahia, brasil) em 1979. poeta, contista e professora da universidade federal da bahia. publicou seu primeiro livro de poemas água negra em 2011. assista o vídeo da participação de lívia natália no primeiro festival latitudes latinas e accese ao site da poeta para conhecer mais sobre sua obra. confira mais notícias de […]

0 comments
zefere

trem de mente de corpo de trem, por zéfere

(Jo)Zé (Roberto Andrade) Fére(s), nasceu Ituiutaba, no triângulo mineiro, em 1980. Publicou o livro A coesia das coisas (7Letras, 2006). Compõe letras de música, transita pela slampoetry, tudo em língua ludo-luso-francesa (ou franco-ludo-lusitana (ou luso-franco-lúdica). É professor, transcriador, doutorando traduto(i)lógico (França/Brasil). Assista ao vídeo da intervenção que o poeta fez durante a mostra Latitudes Poéticas da primeira […]

0 comments
yerbabravacartonera

livros de poemas da editorial yerba mala cartonera

a editorial yerba mala cartonera é um projeto da cidade de cochabamba (bolivia), que publica livros de escritores emergentes com capas de papelão reciclado. eles disponibilizam alguns livros no site do projeto, como ave no chão de pamela romano, e o de fabián casas chamado tuca. conheça mais do projeto e compartilhe.

0 comments
cristiane_sobral

poemas de cristiane sobral

poeta, escritora, atriz, diretora, cristiane sobral cursou artes cênicas na universidade de brasília. atualmente, cursa o mestrado em artes na mesma. já publicou livros em prosa e poesia tais como não vou mais lavar os pratos, poesia e espelhos, miradouros, dialéticas da percepção, contos.   Não vou mais lavar os pratos Nem vou limpar a […]

0 comments
augustodecampos

poemas de augusto de campos

nasceu em São Paulo em 1931. poeta, tradutor, ensaísta, crítico de literatura e música. em 1951, publicou o seu primeiro livro de poemas, o rei menos o reino. desde 1980 intensificou os experimentos com as novas mídias, apresentando seus poemas em luminosos, videotextos, neon, hologramas e laser, animações computadorizadas e eventos multimídia, abrangendo som e […]

0 comments
shirley-campbell-ID

poemas de shirley campbell barr

Shirley Campbell Barr publicou três livros de poemas e tem dezenas de poesias e artigos publicados em revistas, antologias e jornais em diversos países. antropóloga de profissão e com um mestrado em cooperação internacional, esta afro-costarriquenha viveu, além de seu país natal, no zimbabue, el salvador, honduras, jamaica, estados unidos e brasil. com uma poesia […]

0 comments
poemas de andrea mascarenhas

poemas de andrea mascarenhas

doutora em comunicação e semiótica pela puc-sp, leciona literatura na universidade do estado da bahia (uneb). reside em salvador/ba e edita o blog literário  arquivos impertinentes. seus poemas e outros textos têm sido publicados em coletâneas e revistas literárias brasileiras e portuguesas, como a elipse, o canal subversa e o caderno literário (da pragmatha), entre […]

0 comments
manueldebarros-1

poemas de manuel de barros

Alguns poemas de Manuel de Barros, o poeta das miudezas.    a arte de infantilizar formigas depois de ter entrado para rã, para árvore, para pedra – meu avô começou a dar germínios. queria ter filhos com uma árvore. sonhava de pegar um casal de lobisomem para ir vender na cidade. meu avô ampliava a […]

0 comments
poema de miguel león portilla, video de 68 voces

cuando muere una lengua, poema de miguel león portilla em náhuatl

nasceu em 1926 no méxico. é filósofo e historiador, especializado em pensamento e literatura náhualt. trabalha desde 1988 como pesquisador na universidade nacional autónoma de méxico. o vídeo pertence ao projeto mexicano 68 vozes, que tem como objetivo ajudar a fomentar o uso e respeito pelas linguas originarias do pais, como huasteco, maya, mixteco, náhuatl, […]

0 comments
Eduardo_Dalter_1

poemas de eduardo dalter

poeta e investigador cultural, eduardo dalter nasceu em buenos aires em 1947. seus poemas foram publicados em importantes revistas culturais e jornais de países latino-americanos. entre livros publicados estão:aviso de empleo (1971), las espinas del pescado (1973), en la medida de tus fuerzas (1982), las costas del golfo (1995), mareas (1997), n.y. postales para enviar […]

0 comments
francisco-najera-ID

poemas de francisco najera (guatemala)

Nascido na Guatemala em 1945, Francisco Najera é poeta, ensaista, professor universitário, assim como professor bilingue em escolas do ensino primário. É um dos escritores de destaque na Guatemala. Já publicou os seguintes libros: Nuestro canto (1986)  Canto de María (1989) Su cuerpo, las palabras (1990) Poemas de amor y otras mentiras (1991) Sujeto de […]

0 comments
alvarosite2

poemas de álvaro inostroza bidart

nasceu em santiago de chile em 1960. poeta, jornalista, critico de cinema e professor universitário. publicou seus primeiros poemas em 1979 numa antologia de poetas jovens chamada “uno x uno. nueve poetas jóvenes”. em 1985 chegou o primeiro livro de poemas: patio de luz, e depois tendido (en) público (1996), señales de vida (1998), días […]

0 comments
ANGELICA-FREITAS-ID

poemas de angélica freitas

uma das mais destacadas vozes da poesia brasileira contemporânea, angélica freitas é poeta e tradutora. publicou os livros rilke shake (cosac naify/ 7 letras, 2007) e o útero é do tamanho de um punho (cosac naify, 2012), vencedor do prêmio de melhor livro de poesia de 2012 da associação paulista de críticos de arte (apca). […]

0 comments
remo-leaño-ID

silencio inicial, por remo leaño (jujuy, argentina)

  silencio inicial Los pequeños estallidos de luz se suceden. El agua y el sol -integrándose- llevan adelante la magia magia sutil y total convirtiendo en color en substancia en sabores que laten. Mientras los tambores ésos cueros tensos vienen siguiendo el latir vienen pulsando por resurgir y ya luego, los vientos son sonrisas las manos […]

0 comments
William Grigsby Vergara (2)

poema de william grigsby vergara

escritor, poeta e artista plástico, william grigsby vergara nasceu em 1985 em managua, na nicarágua. Em 2005, obteve a menção honrosa no concurso internacional de poesía joven ernesto cardenal. Em 2010, seu poema “canciones para stephanie” foi selecionado para ser publicado pelo centro nicaragüense de escritores (cne). Já em 2012, publica o primeiro livro de […]

0 comments
rosamaria-roffiel-ID

poemas de rosamaría roffiel (méxico)

nascida em veracruz, méxico, rosamaría roffiel é poeta, romancista, jornalista e editora. é uma das principais referências da literatura de temática lésbica na américa latina. seu romance amora é considerado o primeiro romance de temática lésbica publicado no méxico e talvez na américa latina. sobrevivientes Yo conozco tu locura porque también es la mía Somos […]

0 comments
cristina-peri-rossi-ID

poemas de cristina peri rossi

cristina peri rossi é uma das mais importantes escritoras em língua espanhola. sua obra, traduzida para mais de 15 idiomas, transita por diversos gêneros literários. escreve poesia, contos, crônicas, ensaios, romances, artigos… através dos seus escritos, militou contra as ditaduras e a favor do feminismo e dos direitos dos homossexuais. abertamente homossexual, é conhecida por […]

0 comments
camilasite

poemas de camila sosa villada

nasceu em córdoba (argentina) em 1982. atriz, dramaturga e poetisa trans, trabalhou em teatro nas obras: carnes tolendas, retrato escénico de un travesti, evocaciones dramáticas sobre tita merello y billie holiday e el bello indiferente. na televisão protagonizou o seriado la viuda de rafael e no cinema o filme mia, entre outros. no ano 2015 […]

0 comments
pachillo-ID

maría teresa panchillo nekulwual (poeta mapuche)

maría teresa panchillo nekulwual é uma poeta mapuche. nascida na comunidade de kuyimko, chol-chol, no chile, em 1958, tem poemas publicados em diversas antologias. veja um vídeo sobre a poeta e leia abaixo alguns de seus poemas. dungun – la palabra Kiñe piche che = un niño (Memoria Audiovisual del Festival Internacional de Poesía de […]

0 comments
poetasrasite

poemas de graciela huinao

nasceu em 1956 em osorno, wallmapu (chile) poeta e escritora mapuche wiliche foi a primeira mulher indígena em ingressar na academia chilena da língua. algumas de suas obras são: la loika (1989), walinto, bilíngue mapundungun español (2001), la nieta del brujo, seis relatos williche” (2003),desde el fogón de una casa de putas williche (2010), katrilef, […]

0 comments
sitepoeta

poemas de lorenzo aillapán cayuleo

nasceu em 1940 na comunidade rukatraro- lago budi, puerto saavedra (chile). também conhecido como homem pássaro, ele é poeta, ator e ativista mapuche. seu trabalho está baseado na interpretação do canto dos pássaros. para os mapuche a interpretação do canto é um processo continuo de comunicação estabelecido no tempo entre o homem e a natureza. […]

0 comments
alejandra-solorzano-ID

poemas de alejandra solórzano (costa rica – guatemala)

nascida na guatemala em 1980, alejandra solórzano é poeta, atriz, gestora, produtora cultural e mestranda em filosofia pela universidad de costa rica, onde mora desde 2007. publicou o livro de poesia “De vez en cuando hablo con ella” (2006). tanto na guatemala como na costa rica participou de festivais nacionais e internacionais de poesia, entre […]

0 comments
camilosite

poemas de césar gonzalez

césar gonzalez nasceu em 1989 na villa carlos gardel (buenos aires, argentina).sendo muito jovem ingressou na cadeia, onde conheceu a patricio montesano,  que apresentou a césar um mundo novo através do acesso á livros de poesia, filosofia e história. ainda preso, césar com ajuda de patricio, publicou a revista ¿todo piola? e quando saiu da […]

0 comments
francesca-randazzo-ID

mirares/ollares, poemas da hondurenha francesca randazzo

Francesca Randazzo (Tegucigalpa, Honduras, 7 de maio de 1973) publicou os livros Barcos en el Aire (Tegucigalpa: Litografía López, 2008), Honduras, patria de la espera (Tegucigalpa: IHAH, 2006), Compás de Luz (Guatemala: Letra Negra, 2003), A mar abierto (Tegucigalpa: Pez Dulce, 2000) e Roce de Tierra (Tegucigalpa: Alin Editora, 1997), assim como poemas e artigos […]

0 comments
eduardo-galeano

relatos de eduardo galeano

leia alguns dos relatos de eduardo galeano incluídos no livro bocas del tiempo, que está disponível para download, aqui. La expulsión Cristóbal Colón no consiguió descubrir América, porque no tenía visa y ni siquiera tenía pasaporte. A Pedro Alvares Cabral le prohibieron desembarcar en Brasil, porque podía contagiar la viruela, el sarampión, la gripe y […]

0 comments
Gaspar - Cópia

poemas de gaspar aguilera díaz

nascido em parral, chihuahua, em 1947, gaspar aguilera díaz estudou direito e ciências sociais na universidade de michoacana (umsnh). ele ensinou literatura mexicana e latino-americana na mesma instituição. dentre os livros publicados estão: informe de labores (1981), pirénico (1982), la ciudad y sus fantasmas (1992), los ritos del obseso, poesía 1984-2004 (2004), los últimos poemas […]

0 comments
pablonerudasite

migração, por pablo neruda

pablo neruda (1904 – 1973) foi um dos poetas mais importantes do século xx. recebeu o nobel de literatura em 1971 e foi uma presença forte na vida política e artística de chile. algumas de suas obras são: crepusculario, veinte poemas de amor y una canción desesperada, tentativa del hombre infinito, el habitante y su […]

0 comments
Foto-Ruth-Rodríguez.-Poesía-migrantes

poemas antes de passar a fronteira

a seleção de poemas foi feita por jorge andrés gordillo lópez, quem trabalha como voluntario na casa del migrante em coahuila (saltillo – méxico). são poemas feitos pelo migrantes días antes de tentar atravessar a fronteira com estados unidos. “la poesía se manifiesta en el migrante con la emoción de quien descubre el decir de […]

0 comments
rigoberta

poemas de rigoberta menchú tum

nascida na aldeia chimel, município de uspantán, departamento quiché, guatemala, rigoberta menchú tum é uma liderança na luta por reivindicação  de direitos para os povos indígenas e campesinos na guatemala. Prêmio Nobel da paz, em1992, Rigoberta Menchú Tum também escreveu alguns livrros: Me llamo Rigoberta Menchú y así me nació la conciencia, El vaso de […]

0 comments
poemasmigrantessitio

poemas migrantes de daniel rodríguez moya

daniel rodríguez moya é um poeta espanhol. ele escreveu o poema la bestia que fala da situação dos migrantes centro americanos, no intuito de chegar aos estados unidos. mas também pensando nos migrantes africanos que morrem tentando chegar a europa. ‘la bestia’ (the american way of death) tan filoso es el viento que provoca la […]

0 comments
adeliapradosite

poemas de adélia prado

nasceu em divinópolis (brasil) em 1935. poetisa, filósofa e professora, ligada ao modernismo o surgimento dela na literatura brasileira em 1976 representou a revalorização do feminino nas letras. algumas de suas obras são: bagagem (1975), o coração disparado (1978), a faca no peito (1988), o homem da mão seca (1994), quero minha mãe (2005), quando […]

0 comments
mons-romero-ID

san romero de américa, pastor y mártir nuestro, por pedro casaldáliga

San Romero de América, Pastor y Mártir Nuestro El ángel del Señor anunció en la víspera… El corazón de El Salvador marcaba 24 de marzo y de agonía. Tú ofrecías el Pan, el Cuerpo Vivo -el triturado cuerpo de tu Pueblo; Su derramada Sangre victoriosa -¡la sangre campesina de tu Pueblo en masacre que ha […]

0 comments
jaime-sabines-ID

poemas de jaime sabines

Poeta e político mexicano, nascido em Tuxtla Gutiérrez (capital do estado de Chiapas) em 1926, é um dos mais conhecidos poetas mexicanos do século XX.   Los amorosos Los amorosos callan. El amor es el silencio más fino, el más tembloroso, el más insoportable. Los amorosos buscan, los amorosos son los que abandonan, son los […]

0 comments
remo-leaño-ID

coplas de remo leaño

contranpunto a la Pacha (idea de Anita Paredes) yo vuá cuidar a mi Pacha la que me da la comida, la que regala sabores y que descansa dormida. la tierra duerme y produce en diferentes momentos, es un festejo de vida la cosecha de alimentos. p´alimentar los humanos para abrazarlos en sueños, para que tengan […]

0 comments
roquedaltonsite

poemas de roque dalton

nasceu em el salvador em 1935, foi poeta, jornalista e ativista politico. estudou direito na universidade de chile e na universidade de el salvador. em 1957 começou sua atividade política no partido comunista de el salvador. foi exilado no méxico, checoslovaquia e cuba, em 1973 voltou a seu país e se envolveu na luta armada […]

0 comments
oliveriogirondosite

poemas de oliverio girondo

nasceu em 1891 em buenos aires. se formou em direito, morou em diferentes cidades da europa desde criança e escreveu na revista argentina de vanguadia martín fierro, onde trabalhou junto com jorge luis borges e outros reconhecidos escritores da época. algumas das suas obras são: veinte poemas para ser leídos en el tranvía (1922), calcomanías […]

0 comments
veronica-volkow

poemas de verónica volkow

El regreso El camino mas corto es el de la linea recta, el camino continuo, inmutable de la recta, el camino del orden y de su verificacion, el camino que une los mas distantes puntos del imperio. Pero el camino mas largo el verdadero camino -el que conduce a otra parte- es el de la […]

0 comments
Louis Armstrong -1

“louis enormísimo cronopio”, por julio cortázar

crónica del concierto de louis armstrong en parís, el 9 de noviembre de 1952 parece que el pajarito mandón más conocido por dios sopló en el flanco del primer hombre para animarlo y darle espíritu. si en vez del pajarito hubiera estado ahí louis para soplar, el hombre habría salido mucho mejor. la cronología, la […]

0 comments
rosariocastellanospoesia

poemas de rosario castellanos

nasceu no méxico em 1925. sua família era de chiapas, e foi ai que ela morou até os 16 anos. estudou licenciatura em filosofia, formando-se em 1952, e também fez mestrado em filosofia na universidade nacional autônoma do méxico. em 1971 foi nomeada embaixadora do méxico em israel e morreu lá em 1974. feminista, influenciada […]

0 comments
juan-manuel-roca-ID

pequeñas cosas que trae la paz, poema de juan manuel roca

El grafitero del alba, Un fantasma Que escribe la palabra dignidad, ¿Será ayudado por los guardias En vez de convertirlo En bocado de nieblas? El que llamamos el otro, El desconocido al que vemos Parado en una esquina O el que tropezamos En un callejón, Serán, así lo espero, algo más Que fronteras invisibles. El […]

0 comments
José Ángel Fernández (2)

poemas de josé ángel fernández

pertencente a nação indígena wayuu, josé ángel fernández é poeta, professor universitário, sociólogo e mestre em  antropolinguística. nascido em 1961, na laguna del pájaro, distrito páez, estado zulia, venezuela, fernández tem buscado difundir e valorizar a literatura wayuu. publicou iitakaa (la totuma), nünüiki ka’ikai (lenguaje del sol) e apaalaairua je jayeechiirua nümüin chi laülaakai uuchi (dones y […]

0 comments
ideavilariñosite

poemas de idea vilariño

nasceu em montevideu em 1920. sua poesia é marcada por versos curtos, quase sem rima ou métricas fixas. escreveu no semanário marcha (uruguai) e criou junto com benedetti o semanário brecha após a queda do regime militar em 1985. algumas das suas obras são: la suplicante (1945), cielo cielo (1947), paraíso perdido ( 1949), por […]

0 comments
nicanor_parra

poemas de nicanor parra

nascido na região do biobío (chile) em 1914, nicanor parra é matemático, físico, professor e poeta. considerado um anti poeta, sua obra está baseada num linguagem coloquial com elementos críticos, que questionam tudo por meio de ironia e irreverencia. alguns dos seus livros são: cancionero sin nombre (1937), antipoemas (1960), los vicios del mundo moderno […]

0 comments
blancavarela

poemas de blanca varela

nasceu em lima (perú) em 1926. se formou em educação e letras pela universidade nacional de são marcos e trabalhou dois anos na revista las moradas. em 1949 viajou a paris onde conheceu a octavio paz, jean paul sartre, alberto giacometti y carlos martínez rivas. recebeu muitos prêmios internacionais e suas obras foram traducidas a […]

0 comments
armandotejadagomez

poema de armando tejada gomez

poeta, escritor e locutor de radio argentino. nasceu na cidade de mendoza em 1929 numa família descendente da comunidade índia huarpe. trabalhou com a cantante mercedes sosa e criou musicas reconhecidas como canción con todos e hay un niño en la calle. alguns dos seus livros são: pachamama. poemas de la tierra y el origen […]

0 comments
nicomedessantacruz

poemas de nicomedes santa cruz

nicomedes santa cruza nasceu em lima (perú) em 1925. junto com uma de suas irmãs, participou de um movimento para reivindicar o legado das raízes folclóricas afro-peruanas, através de peças, aparições em estações de rádio e jornais. também trabalhou como jornalista em vários meios de comunicação, incluindo televisão. ritmos negros del perú a don porfirio […]

0 comments
ernestocardenal

poemas de ernesto cardenal martínez

ernesto cardenal martínez é um poeta nicaraguense, nascido em 20 de janeiro de 1925. sacerdote, teólogo, escritor, tradutor, escultor e político conhecido mundialmente, é um dos mais destacados defensores da teología da libertação na américa latina. alguns dos seus livros são: hora 0 (1957),gethsemani ky (1960), epigramas (1961), homenaje a los indios americanos (1969), canto […]

0 comments
erase-una-mujer-ID

relatos de érase una mujer, de vera carvajal

Pan y rosas Érase una mujer que no tenía más que sus manos para ganar el pan de cada día. Dueñas de su trabajo, cuando las fábricas se inventaron, las mujeres prestaron sus manos, rápidas como golondrinas, para que los hilos se dejaran tejer con gusto. Muy pronto, sin embargo, descubrieron que las fábricas no […]

0 comments
georgina herrera (2)

poemas de georgina herrera

poeta cubana nascida em 1936,  Georgina Herrera, aos 16 anos,  começou a publicar poemas em jornais e revista de Havana. Em 1963, escreveu o primeiro livro intitulado GH; logo depois, publicou Gentes y Cosas, Granos de Sol y Luna, Grande es el Tiempo  e Gustades Sensaciones, en 1997. Desde 1962 trabalha na emissora progreso, onde escreve […]

0 comments
alejandrapizarnik

poema de alejandra pizarnik

poeta argentina, nasceu em buenos aires em 1936. estudou filosofia e letras na universidade de buenos aires e literatura francesa na sorbona em paris. onde conheceu a julio cortázar, rosa chacel e octavio paz. em 1955 publicou seu primeiro livro de poemas intitulado la tierra mas ajena. é uma das artistas mais destacadas da geração […]

0 comments
juana-pavon

poemas de juana pavón

EXACTA Escúlquenme lo exacto y les mostraré cuan “EXACTA” soy. —Simplemente Juana—   NOSOTRAS: ESAS SUJETOS Una, dos, cien, miles así vamos las mujeres por aquí aquí donde nos tocó pernoctar para siempre. No importa lugar ni apellido definimos nuestra situación desde hace mucho tiempo. Hemos aceptado el papel que nos corresponde no importa el […]

0 comments
augusto-monterroso

contos de augusto monterroso

augusto monterroso é considerado um dos mais notáveis escritores latino-americanos. na idade adulta, optou pela nacionalidade guatemalteca, embora tenha nascido em honduras, em 1921. perseguido pela ditadura militar na guatemala, ele fixou residência no méxico. suas produções eram dificilmente classificáveis: textos breves,  gênero impreciso, na fronteira entre o relato e a  fábula. é considerado um […]

0 comments

poemas de cristiane sobral

Não vou mais lavar os pratos Nem vou limpar a poeira dos móveis Sinto muito. Comecei a ler Abri outro dia um livro e uma semana depois decidi Não levo mais o lixo para a lixeira Nem arrumo a bagunça das folhas que caem no quintal Sinto muito. Depois de ler percebi a estética dos […]

0 comments

poemas de fernando linero

La casa sin ti Sin tu presencia la casa apenas vive. Y en ese modo de ser agua y noche sin embargo se mueve con su parafernalia de frascos, agua caliente, libros prestados; con ese estilo que tienen los amigos al tocar la puerta. Si no estás en la casa – rey o zángano – […]

0 comments

poemas de susana chávez castillo

  Sangre nuestra Sangre mía, de alba, de luna partida, del silencio. de roca muerta, de mujer en cama, saltando al vacío, Abierta a la locura. Sangre clara y definida, fértil y semilla, Sangre incomprensible gira, Sangre liberación de sí misma, Sangre río de mis cantos, Mar de mis abismos. Sangre instante donde nazco adolorida, […]

0 comments
ernesto1

poemas de ernesto cardenal

ernesto cardenal martínez, poeta nicaraguense, nascido em 20 de janeiro de 1925. também é sacerdote, teólogo, escritor, tradutor, escultor e político conhecido mundialmente. é reconhecido como um dos mais destacados defensores da teología da libertação na américa latina. alguns dos seus livros são:hora 0 (1957),gethsemani ky (1960), epigramas (1961), homenaje a los indios americanos (1969), […]

0 comments
nancy morejón

poemas de nancy morejón

Poeta, tradutora e ensaísta, Nancy Morejón nasceu em Havana, Cuba, no dia 07 de Agosto de 1944. Publicou, em 1962, seu primeiro livro de poemas intitulado Mutismo;  dois anos depois,   publicou  Amor, ciudad atribuida. Formou-se em Licenciatura e Língua Francesa na Universidade de Havana. Sua pesquisa de doutorado abordou a obra do poeta martinicano […]

0 comments
drummond

Poema de Carlos Drummond de Andrade

Carlos Drummond de Andrade nasceu em 1902 na cidade de Itabira, Minas gerais. Drummond era funcionário público, mas começou cedo a escrever poemas, e sua primeira obra poética, “Algumas poesias”, foi publicada em 1930. O poeta, porém, também atuava como cronista, contista e tradutor. Drummond recebeu vários prêmios ao longo de sua carreira, entre eles […]

0 comments

poemas de solano trindade

Solano Trindade foi poeta, foi pintor, teatrólogo, ator e militante. Nasceu no dia 24 de julho de 1908, na cidade de Recife. A sua obra poética contém referências aos ritmos e costumes africanos, e através desta o artista denunciava discriminações e racismos. Fundou em 1936 a Frente Negra Pernambucana e o Centro de Cultura Afro-brasileiro, […]

0 comments
julio-cortzar- EFE- arquivo

contos de julio cortázar

julio cortázar, escritor e intelectual, nasceu no dia 26 de agosto de 1914, em bruxelas. filho de pai diplomata, aos quatro anos de idade, foi morar na argentina. após a separação dos pais, foi educado pela mãe, tia e avó. julio cotázar é considerado um dos autores mais inovadores e originais do seu tempo. escreveu […]

0 comments
pie-partido-de-la-izquierda-erotica

consejos para la mujer fuerte – poema de gioconda belli escrito especialmente para o 8 de março

Si eres una mujer fuerte protégete de las alimañas que querrán almorzar tu corazón. Ellas usan todos los disfraces de los carnavales de la tierra: se visten como culpas, como oportunidades, como precios que hay que pagar. Te hurgan el alma; meten el barreno de sus miradas o sus llantos hasta lo más profundo del […]

0 comments
educacao_zapatista

historia de durito – conto do subcomandante marcos, lido por león gieco

  Te voy a platicar una historia que me pasó el otro día. Es la historia de un pequeño escarabajo que usa lentes y fuma pipa. Lo conocí un día que estaba buscando el tabaco para fumar y no lo encontraba. De pronto, a un lado de mi hamaca vi que estaba caído un poco […]

0 comments
capa dvd tiao simpatia

a lei maria da penha em cordel, por tião simpatia

A Lei Maria da Penha em Cordel (Tião Simpatia) I A Lei Maria da Penha Está em pleno vigor Não veio pra prender homem Mas pra punir agressor Pois em “mulher não se bate Nem mesmo com uma flor”. II A Violência Doméstica Tem sido uma grande vilã E por ser contra a violência Desta […]

0 comments
jorge boccanera - 1

poemas de jorge boccanera

jorge boccanera nasceu em 1952 na bahía blanca, província de buenos aires. após o golpe de estado em seu país, viveu o exílio no méxico. neste período, recebeu o prêmio casa das américas, de cuba; um ano depois, o prêmio nacional de poesia jovem no méxico. entre outros livros, publicou los espantapájaros suicidas, marimba,  zona de […]

0 comments
eduardo-galeano-revistamacondo

por qué desaparecimos a los desaparecidos, por eduardo galeano

En el día de hoy [24 de Marzo] del año 1976, nació la dictadura militar que desapareció a miles de argentinos. Veinte años después, el general Jorge Rafael Videla explicó al periodista Guido Braslavsky: —No, no se podía fusilar. Pongamos un número, pongamos cinco mil. La sociedad argentina no se hubiera bancado los fusilamientos: ayer […]

0 comments

poemas do cd-livro reencuentros

“reencuentros es la última producción de la fundación contamíname. es un libro-disco que contiene textos y canciones que reflexionan y dan a conocer el fenómeno de la desaparición de niños y niñas que durante la dictadura militar argentina fue una práctica corriente y sistemática. 500 de estas personas, hoy jóvenes, continúan lejos de conocer su […]

0 comments
nicomedessantacruz

poemas de nicomedes santa cruz

De ser como soy, me alegro (1949) De ser como soy, me alegro, / ignorante es quien crítica. / Que mi color sea negro / eso a nadie perjudica. // En medio de mi pobreza / vivo en forma muy decente, / ni al amigo ni al pariente / pido ayuda en mi tristeza. / […]

0 comments
chávez

chávez, por claudia korol

      Hoy tengo un dolor de Chávez en la piel. Como si el mundo se detuviera por un instante y no respirara… para sentir el latido débil de su corazón rebelde, marcando el paso todavía. Hoy tengo un nudo de Chávez en la garganta. Como si toda la rabia se juntara en un […]

0 comments
carmen-soler

Poemas de Carmen Soler

[quote style=”1″] BANDOS Se prohibe, al hambre comer a la boca hablar al oído oír a la sed beber al fuego calentar al miedo correr al frió tiritar a la alegría reír al amor querer al poeta cantar al herido gemir a la primavera florecer a la pólvora explotar Después los fusilaron por no cumplir. […]

0 comments
nicolas-guillen-canto-negro

Canto negro, por Nicolás Guillén

[quote style=”1″] ¡Yambambó, yambambé! Repica el congo solongo, repica el negro bien negro; congo solongo del Songo baila yambó sobre un pie. Mamatomba, serembe cuserembá. El negro canta y se ajuma, el negro se ajuma y canta, el negro canta y se va. Acuememe serembó, aé yambó, aé. Tamba, tamba, tamba, tamba, tamba del negro […]

0 comments
accion arte itinerante

poemas de marília palmeira

[quote style=”1″] Cuenca Llueve y lloro en una ciudad de cuatro ríos. Hay que inundarse, si te llama el agua. Ni un arroyo conozco que haya dudado. Jamás he oído piedra alguna que haya fingido ser otra cosa. Tampoco el fuego se rehúsa a quemar, volver todo ceniza. Nunca deja el viento de soplar sus […]

0 comments
poemas-de-pedro-blas

poemas de pedro blas

[quote style=”1″] Patato Añá Dime entonces tú, corona monárquica de congueros ¿a cuál sangre debo atenerme dime, Patato Añá? ¿a cuál de aquellas sangres debo atenerme acercándosela a tus cueros? Dijéramos como cierta sangre obtenida de un saurio cazado por entre el caudaloso Níger Pero dime tu padre sacro tumbero ¿de cuál sangre de nocturna […]

0 comments
outras-aguas-livia-natalia

lívia natália

filha de osun, criada nas dunas do abaeté, a escritora baiana tem seu primeiro livro publicado neste ano de 2011. água negra é o premiado pelo concurso literário banco capital. lívia natália descobriu a intimidade com as palavras muito cedo, escreve contos e poesias, ministra disciplinas de teoria da literatura, discute a produção literária contemporânea […]

0 comments

carta 1

[quote style=”1″] como ando por la casa diciéndote querido con fervorosa voz con desesperación de que pobre palabra no alcance a acariciarte a sacrificar algo a dar por ti la vida querido a convocarte a hacer algo por esto por este amor inválido. y eso es todo querido. digo querido y veo tus ojos todavía […]

0 comments

más soledad

[quote style=”1″] alguno de esos días se acabarán las bromas y todo eso esa farsa esa juguetería las marionetas sucias los payasos habrán sido la vida [/quote]

0 comments

yo quisiera

[quote style=”1″] yo quisiera llorando decirte mostrarte decirte destrucción y que tú me entendieras o decirte se fue el verano se fue o decirte no te amo y que tú me entendieras [/quote]

0 comments

ya no

[quote style=”1″] ya no será ya no no viviremos juntos no criaré a tu hijo no coseré tu ropa no te tendré de noche no te besaré al irme nunca sabrás quién fui por qué me amaron otros. no llegaré a saber por qué ni cómo nunca ni si era de verdad lo que dijiste […]

0 comments

compartilhe!

  • Facebook
  • Twitter
  • Google Plus
  • RSS
  • PDF
  • Email